Manuscrito de Einstein sobre felicidade é leiloado por mais de US$ 1,5 milhão

Mundo
18
NOV
2017

Nota foi escrita em 1922 e entregue a um mensageiro em Tóquio.

 

Uma nota manuscrita que Albert Einstein deu a um mensageiro em Tóquio como gorjeta, na qual explica brevemente sua teoria para se ter uma vida feliz, foi leiloada nesta terça-feira (24) em Jerusalém por mais de US$ 1,5 milhão.

 

O preço foi cerca de 200 vezes mais alto do que as estimativas, que apontavam que a nota seria leiloada por entre US$ 5 mil e US$ 8 mil, de acordo com a casa de leilão Winner.

 

Em um papel timbrado do Imperial Hotel de Tóquio, em que se hospedou em 1922, Einstein escreveu:

 

“uma vida simples e silenciosa traz mais alegria do que a busca do sucesso em um desassossego constante”.

 

O físico alemão, famoso por sua teoria da relatividade, entregou a nota a um mensageiro que foi lhe entregar uma mensagem. Não se sabe se o mensageiro não aceitou gorjeta, seguindo as tradições locais, ou se Einstein não tinha dinheiro para lhe pagar. Em todo caso, o cientista não quis que o homem saísse de mãos vazias e escreveu uma nota em alemão.

 

“Talvez, se tiver sorte, essa nota acabará sendo muito mais valiosa do que uma simples gorjeta”, disse Einstein ao mensageiro, de acordo com o proprietário e vendedor do documento, um morador de Hamburgo (Alemanha) que deseja permanecer anônimo.

 

Fonte: G1

Artigo postado no dia 18 de novembro de 2017, em Mundo.

Comentários

Deixe seu comentário