Criança não resiste a complicações quimioterápicas

Mundo
02
JAN
2017

Nessa segunda (2), por volta das 20h, a pequena esplanadense partiu, conduzida por Deus, precocemente - aprox., aos seus 7 anos, certamente sob um de Seus propósitos inevitáveis, ao qual não cabe a nenhum de nós entendimento ou justificativa.

 

Enquanto, assistida por seus familiares, lutou contra grave doença, encantou com seus sorrisos aqueles que a conheceram.

 

Ao seu modo, em sua missão, com uma passagem tão breve porém, brilhante, a pequena A.J. deixou fãs ( pais, familiares e amigos ) com seus corações apertados. Muito viva e eternizada, em suas memórias, A.J. - é lembrada por algo que marcou momentos vividos, em família, com professores e amigos. Carismática, encantou a muitos com seu jeito.

 

Mas, a propósito de Deus, A.J. descansa em paz. Que nosso Pai e Mãe celestiais a recebam e dê forças aos seus que ficam, ampare seus pais pois, diante a um momento tão intenso intenso e fora da ordem natural, como este, são as pessoas que mais precisam Deles.

Artigo postado no dia 02 de janeiro de 2017, em Mundo.

Comentários

Deixe seu comentário