Trump é eleito novo presidente dos Estados Unidos

Política
09
NOV
2016

O novo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump recebeu a notícia da vitória em Nova York, no prédio que leva o nome dele, a Trump Tower. Ele ultrapassou o número de 270 delegados, vencendo a concorrente democrata Hillary por 276 a 218.
 
Donald Trump tem 70 anos, é um empresário de Nova York e já foi celebridade de reality show na TV americana. Considerado imprevisível pelo mercado financeiro, teve altos e baixos durante a campanha, marcada por declarações polêmicas como as que se referiam a mulheres - chegou a dizer que as 'pegava pelas partes íntimas'. Nada disso foi impecilho para que ele fosse eleito presidente dos Estados Unidos e ele tomará posse no dia 20 de janeiro de 2017.

Hillary Clinton anunciou que não discursaria sobre o resultado, mas telefonou para Trump, reconhecendo a vitória do oponente.

Trump chegou ao hotel onde o partido preparou a festa da vitória, logo depois da definição das urnas. O candidato a vice, Mike Pence também chegou, acompanhado da família. Amigos e apoiadores da candidatura de Trump já estavam reunidos no hotel, na 6ª avenida, no centro turístico da ilha de Manhattan.

Toda a região teve a segurança reforçada, não só por policiais de Nova York, mas também por agentes do serviço secreto. Vários caminhões basculantes, carregados de areia, colocados como barreira contra ataques terroristas.

"Serei presidente para todos os americanos", disse Donald Trump na manhã desta quarta-feira (9). Ele iniciou seu discurso de vitória agradecendo aos apoiadores que comemoravam no local. Disse que recebeu um telefonema de Hillary admitindo a derrota e o parabenizando pelo resultado.
Vamos dobrar nosso crescimento e ter a economia mais forte do mundo"
Donald Trump

 "Acabo de receber uma ligação da secretária Clinton. Ela nos congratulou pela nossa vitória e eu congratulei ela e sua família por uma campanha muito dura. Ela lutou muito. Nós devemos a ela uma dívida de gratidão por seu serviço ao país", afirmou.  O presidente eleito pediu união aos democratas e republicanos, dizendo que é tempo de "estarem juntos, como um povo unido".

Trump afirmou que juntos vão consertar os problemas do país e reconstruir a infraestrutura. "Vamos colocar milhões para trabalhar enquanto reconstruimos", disse. "Vamos dobrar nosso crescimento e ter a economia mais forte do mundo". Sobre o relacionamento com os outros países, Trump disse que os EUA terão uma boa relação com os países que quiserem trabalhar com eles.

O dia do republicano foi cheio de expectativas. Donald Trump votou no fim da manhã de terça (8), em uma escola que fica perto de um dos prédios dele. Eleitores vaiaram e protestaram contra o republicano. Na hora de marcar a cédula, ele deu uma espiada no voto da mulher, Melania Trump. Apesar de não haver nos Estado Unidos a obrigatoriedade de votar, houve filas nos locais de votação em todo o país.

Fonte: G1

Postado em: Política Nº de Views: 73 Comentários: 1
Prezado leitor, comentários postados, aqui, são de responsabilidade exclusiva de seus respectivos autores. No entando, caso depare-se com algo que entenda atentar contra direito ou violar um dos termos de uso deste site, denuncie. Caso queira saber mais, leia os termos de uso do site.

Deixe seu comentário

Orlando Divino

Os Estados Unidos merecem este perfil.